Momento

TORCER PODE RESULTAR EM OBRA DE ARTE (fico devendo a referência)






segunda-feira, 11 de agosto de 2014

BRASILEIRÃO 2014 (2)


Então, é isso: o Cruzeiro empacou nos empates, permitiu a aproximação dos concorrentes ao título e, agora, até o São Paulo alimenta pretensões para além de Pato.

Pato faz dois gols numa partida, perde mais três e sai endeusado de campo. Nos dois primeiros gols, o que se tem a aplaudir: os passes de Ganso e de Douglas. Enfiadas precisas, plasticamente perfeitas, coisa fina e bonita de se ver. Passes que criam um problema para o atacante se desperdiçá-los. Mas o Pato deitou na cama faz tempo e não se sabe se dessa vez vai abandonar o vício.

Lá embaixo a coisa pega fogo, literalmente. Botafogo e Flamengo, seguindo à risca a cartilha da incompetência gerencial brasileira, estão prontos para o abraço de afogados. O velho Luxa venceu duas, perdeu uma, e continua na zona... do rebaixamento. Agora vem o Luiz Antonio botar o Fla nas páginas policiais. Um sorriso, um tapa.

Aqui na Bahia, e no Bahia, se torce pelo Charles Fabian. O craque do passado assumiu o comando técnico do time e tem se dado bem. A cena incrível e inusitada: a torcida pedindo pela permanência do técnico. Tem muito de provincianismo na atitude, mas resulta numa iniciativa boa do clube se efetivar o técnico Charles.

Gallo convocou a seleção Sub-21 para amistosos em setembro. As Olimpíadas estão próximas. Alguns nomes desconhecidos, outros já recuperados, como o Vitinho, e alguns renomados, como o Marquinhos. Vamos ver se dá liga e vitórias.

Quanto ao Dunga, tudo indica que queimou o David Luiz e sonha com a recuperação de Neymar, por inevitável. Vai começar tudo de novo.

terça-feira, 5 de agosto de 2014

BRASILEIRÃO 2014


Meu Vasco tá na segundona, de novo. Da Série B, eu só acompanho os jogos do Vasco, aqueles que a tevê aberta transmite. O time parece mais um depósito de ex-jogadores em atividade, como se diz entre os comentaristas. Não deixam os meninos pegarem cancha, desperdiçam os talentos da base, um time montado por empresários. O Vasco tem uma partida a menos; caso vença, bate nos 25 pontos, entra no G4. Mas a partida que falta é contra o Náutico que, talvez por ter perdido Kieza e Rhayner para o Bahia, deu uma levantada no ânimo e começou a vencer. Vejam só o que nos espera.

O Cruzeiro disparou, mas nem tanto. O Fluminense já está na cola. Se o Conca sustentar o ritmo e o Fred voltar a marcar, poderemos ter uma boa disputa. Embora, não sei por que me coça a orelha, o Curíntia vem mastigando grama, com o Mano querendo provar que foi injustiçado pela CBF (mas quem não foi?) e nada como um título para readquirir a pose de bispo aspirante a cardeal.

Falam que, até que enfim, o Cruzeiro terá jogadores convocados para a Seleção. Só pode ser sacanagem de anão, para desfalcar o time em duas ou três partidas seguidas. Mas o elenco tem condições de sustentar o faturamento de pontos, mantendo a liderança no começo de setembro. Pra diante, nem mesmo Luxemburgo se atreve a dizer alguma coisa.

Tão queimando o Botafogo.