Momento

TORCER PODE RESULTAR EM OBRA DE ARTE (fico devendo a referência)






quinta-feira, 10 de julho de 2014

WC'14 (7)

Acabou. E não acabou. Como insiste Felizcão, ainda falta um degrau na caminhada. Um degrau para lugar algum, mas degrau.

Com a torcida argentina se comportando como se estivesse em La Boca ou na Bombonera, temi por um encontro entre nossas seleções no sábado. Poderia ser o momento trágico da Copa. Pelo que poderia acontecer fora do gramado, pois no gramado a cota já se esgotou.

Edmundo disse que se estivesse em campo, no Mineirão, sairia na porrada com algum adversário, mas a partida não continuaria daquele jeito. Impressiona, mesmo, que nenhum craque brasileiro tenha caído em campo, especialmente o goleiro, e interrompido aquela enxurrada de gols por uns minutos.

Basta reparar na aparência dos jogadores envolvidos nas semifinais para se perceber a diferença entre adultos e adolescentes tardios.

Piadinha da web envolve os papas vivos, Francisco e Bento, Argentina e Alemanha. Bem, nessa rota, vale lembrar que estarão juntas, no Maracanã, Kirchner e Merkel, alemãs. Assim, vai dar 3 x 1 em favor da Alemanha, com um gol contra. 

A piada maior que ouvi está sendo replicada pela imprensa: o chefe da máfia dos ingressos seria o argelino Fofana. Isso significa que o o inglês da Match, Whelan, confirmadas as suspeitas, não passaria de seu subordinado, seu fornecedor. Ora, senhores...

Uma ditadura jamais se vai por inteiro, em países instáveis como o nosso. Aqui e ali dá para perceber seus dedinhos gorduchos bolinando o tecido social. A coletiva de imprensa de ontem, pontuada por Felipão e Parreira, foi um desses momentos. Deu para ver dedinhos e beicinhos, loucos para espremer, para cuspir, para esganar, para fraudar o país, a realidade, todos nós, qualquer um que ouse questionar, denunciar seus equívocos, apontar suas falhas profissionais. 

De resto, uma búlgara se juntará às alemãs, domingo, na tribuna do Maracanã. Não sei por que me lembrei disso, justo agora, depois de falar de ditadorezinhos amoitados...

Um comentário:

Mayrant Gallo disse...

Ótimo texto, Carlos. Para Felipão e cia. não aconteceu nada de mais. Incrível! A. é que está certa: leva o Felipão para fazer uma tomografia e um ressonância do crânio. Descobrirão que ele tem um "crâneo".