Momento

TORCER PODE RESULTAR EM OBRA DE ARTE (fico devendo a referência)






segunda-feira, 25 de abril de 2011

RODA DA FORTUNA

  1. Mais uma prova de que o Flamengo quase-perde seus jogos. Na partida entre um time desfigurado e outro estafado, venceu aquele que quase-perde. A frase de Fred estampada hoje no G1 indica o erro do treinador tricolor: as substituições deveriam ter sido feitas no intervalo, se ali o time já estava morto de cansado, como afirmou o artilheiro. Os dois insatisfeitos, Souza e Araújo, entraram no finzinho e cagaram na retranca, errando suas cobranças de pênalti. O Flu ficou para trás no estadual, depois de se alevantar na Libertadores. Gira a roda da fortuna, como sempre.
  2. O Vasco vai entregar dois títulos de vez ao Quase-perde. Espero errar o palpite. Mas tudo indica que domingo próximo o Flamengo bate os pregos no caixão. Para entender melhor a questão, basta reparar no desempenho de Diego Maurício e de Galhardo na partida de ontem contra o Flu. Dois garotos que não tremeram na cobrança dos pênaltis. Aquele troço da camisa, que vai levar mais títulos do Vasco, o eterno vice. Toc, toc, toc. Que eu erre feio na análise.
  3. Por falar em insatisfeito, o sheik Emerson, para dar um fim à sua condição de reserva de He-Man, cantou o Bonde do Flamengo dentro do ônibus tricolor, em Buenos Aires. Talvez tenha sido o espírito portenho que o atacou. Talvez já tenha contrato acertado com o Flamengo. O fato é que jamais soube de traíra tão espalhafatoso no futebol.
  4. O Coritiba subiu para a Primeirona, ganhou o campeonato paranaense por antecipação com uma série de partidas invictas que impressiona. Agora, reparem no contraponto: o Bahia subiu para a Primeirona, faz uma campanhã pífia no estadual e praticamente assegura seu retorno à Segundona para quando o Natal chegar. Te contar, hein. Tsc, tsc, tsc.
CB, lamentando não ver hoje Schalke x MU e, amanhã, Real x Barça. C'est la vie.

Nenhum comentário: